domingo, 25 de março de 2012

adeus a um talento.

Não tenho medo de morrer , tenho pena, foi o que disse esse grande ator numa entrevista ,fiquei a penssar,e é pra dar pena mesmo quando a gente morre ,pois quem ama o que faz e ama a vida sempre tem algo para realizar ,para sonhar e por mais que a vida passa  a gente quer fazer mais coisas e acha que vai dar tempo , pena mesmo    principalmente deste grande artista que o brasil perdeu ,mas com certeza  vai ficar sempre na memória de quem o ama,até um dia Chico.

acertando as contas............(caixotinhos)

Olá algumas postagens mais antiga eu estava falando sobre uns caixotinhos que estava pintado , pois bem eu terminei ufa demorou heim. Fiz uma sapateira para o quarto das minhas filhas , não aguentava mais de  ver calçados espalhos pela casa ou encostado num canto ,espero que gostem ,agora estou fazendo uma estante , aguardem, beijinhus.

quarta-feira, 21 de março de 2012

21 de março dia internacional da síndrome de down

Meu adorável mocinho , como o tempo passou parece que foi ontem que voce nasceu e no entanto está com 18 anos , parabéns meu querido pelo dia internacional da sindrome de down , esse dia é especialmente seu ,te amo.

domingo, 4 de março de 2012

amizade

Amizade verdadeira

Afinal, o que é amizade verdadeira? Acho que ninguém tem a resposta pra isso. Porque amizade verdadeira é algo que não tem data pra acontecer, elas podem começar com um sorriso, com um oi ou com uma simples brincadeira. Elas duram com o passar do tempo, com conversas, com brigas, com troca de opiniões e ate com insistência de querer a amizade. E quando você menos percebe você já não consegue viver sem essa pessoa, o dia fica chato quando você não conversa com ela. E a vontade de ve-la todo dia começa a aumentar ate você não aguentar mais e mandar pelo menos um recado pra ela. Certas ‘'amizades'’ acabam, e você fica pensando no que você errou pra algo tão lindo ter acabado. E por último, como amizades verdadeiras terminam? Segredinho meu: elas nunca acabam ;)

by: Marília Bragança